4º Programa “Cuide da Sua Saúde” - Cuidados a ter com o Sol

Podcast RDP Internacional

Apesar do sol ter inúmeros benefícios para a saúde, a exposição solar excessiva ou inadequada, a longo prazo, contribui para o envelhecimento precoce da pele (perda de elasticidade, rugas, manchas, despigmentação) e pode levar ao aparecimento de cancro da pele.

 

 

 

Doenças que o sol pode revelar

 

O sol também pode ativar ou espoletar alguns problemas de saúde: alergias da pele (ao sol), acne, herpes labial, ou agravar outros preexistentes: lúpus eritematoso, psoríase, vitiligo, rosácea, porfirias, problemas de coagulação, problemas de circulação periférica (derrames, capilarites) e eczemas.

 

As reações da pele ao sol, também podem revelar a condição imunológica e nutricional do organismo. A melhor forma de evitar estas reações, é preparar a pele ao longo do ano e fazer uma exposição solar moderada e adequada à condição de saúde.

 

No Verão, também deve haver especial cuidado com o uso de certos medicamentos, que podem aumentar a fotossensibilidade – antialérgicos, anti-histamínicos, antidepressivos e o hipericão – potenciando o risco de queimaduras solares.

 

 

 

Medidas de Proteção do Sol

 

- Evitar uma exposição prolongada nos primeiros dias de praia, sendo aconselhável que se começe por poucas horas e se aumente gradualmente, evitando os escaldões caraterísticos do início das férias.

 

- Fazer uma  exposição solar moderada, evitando os períodos do dia em que as radiações ultravioletas atingem as sua intensidade máxima e são nocivas para a saúde – entre as 11 horas e as 17 horas.

 

- Uso de protetor solar é inevitável, depois de uma exposição de cerca de 15 minutos antes, para haver aborção pela pele e beneficiarmos da síntese de Vitamina D.

 

 

 

- É importante começar por fazer curtos períodos de exposição solar, aumentando gradual e progressivamente. O ideal é fazer-se uma sensibilização ao sol ao longo do ano. Apesar do efeito cumulativo do sol sobre a pele, uma exposição adequada pode ter inúmeros benefícios para a saúde em geral.

 

- Deve ter-se especial cuidado com as crianças, idosos, indivíduos com patologias que obriguem a especial cuidado (doenças auto imunes, imunodeprimidos, doenças de pele, doenças infeciosas e inflamatórias, doenças cardiovasculares) e pessoas cujo fotótipo seja de risco – pele branca, olhos claros, louros e sardentos.

 

- As medidas de proteção devem incluir: proteção (chapéus, t-shirts, óculos de sol) das zonas do corpo mais sensíveis (nariz, lábios, olhos, costas das mãos e peito dos pés); evitar o contato solar nas horas de maior calor (cuja radiação solar é mais intensa), mesmo estando à sombra (a areia reflete os raios solares e atinge a pele). É importante prevenir as insolações e as queimaduras.

 

 

 

A Importância da Alimentação

 

Uma alimentação pobre em frutas e verduras constitui um fator de risco para diversas doenças, incluindo as que afetam a pele e contribuindo para a diminuição da proteção face ao sol.

 

A  Dieta Mediterrânica tem demonstrado inúmeros benefícios para a saúde por incluir nutrientes, fitonutrientes e substâncias fitoquímicas antioxidantes, como o azeite, o tomate, o peixe, as ervas aromáticas e as frutas e os legumes.

 

 

 

 

 

- Carotenóides – cenoura, beterraba, papaia, abóbora, manga, batata doce – fornecem Betacaroteno – essencial para a proteção da pele.

 

- Tomate - Rico em Licopeno, poderoso antioxidante para a pele. Pode ser consumido em extrato ou pasta concentrada, de preferência ao longo do ano (fator de proteção da pele).

 

- Citrinos – Laranja, toranja, limão e lima – fornecem vitamina C, que é fundamental para a saúde da pele.

 

- Pescado – Salmão, atum, sardinhas, arenque, cavala – ricos em ácidos gordos Ómega 3 – revelam acção anti-inflamatória da pele.

 

- Produtos Hortícolas – Brócolos, espinafres – ricos em Vitamina A – fundamental para a regeneração, crescimento e regeneração da pele.

 

 

 

Suplementos alimentares para proteger a Pele

 

- Betacaroteno: Quando transformado em Vitamina A no organismo, auxilia na formação de melanina (pigmento da pele que ajuda à proteção das radiações UV), essencial para a proteção da pele e que contribui para a obtenção de bronzeado. Deve preferir-se a sua toma alguns meses antes do verão. Os Carotenóides, como a cenoura, abóbora, manga, pêssego, papaia, são algumas das fontes alimentares de Betacaroteno.

 

- Licopeno: Poderoso antioxidante e fator de proteção da pele. O tomate é muito rico em licopeno.

 

- Ácidos Gordos Ómega 3: Ácidos gordos essenciais para o organismo; Revelam ação anti-inflamatória da pele; Principais Fontes alimentares de Ómega 3 - Pescado – Salmão, atum, sardinhas, arenque e cavala; Sementes de Chia, Linhaça, igualmente muito Ricas em ácidos gordos ómega 3 – melhoram a textura da pele.

 

- Óleos Vegetais: Soja,  Linhaça, Grainhas de uva, gérmen de Trigo - Melhoram a estrutura da pele (promovem o equilíbrio hidrolipídico cutâneo), são hidratantes, previnem e tratam diversas afeções da pele. Podem ser utilizados para temperar saladas, na confeção e na fritura.

 

- Coenzima Q10 – Utilizada na prevenção e tratamento das afeções da pele - fator de protecção das radiações UV.

 

- Vitamina C – Antioxidante; melhora as defesas; coadjuvante na síntese de colagénio, a sua concentração diminui após a exposição solar. Usada em cremes, reduz a irritação da pele; favorece o desaparecimento de manchas de pigmentação – reduz a síntese de melanina. Fontes: Laranja, toranja, limão, lima, quivi, romã, bagas de sabugeiro.

 

- Vitamina E Melhora a elasticidade e textura da pele; hidratante; poderoso antioxidante (protege a membrana celular ao inibir a peroxidação lipídica cutânea); melhora a microcirculação cutânea; alivia e acalma a irritação e a inflamação da pele após a exposição solar; aumenta a eficácia dos protetores solares.

 

 

 

Plantas medicinais no Cuidado da pele

 

As pessoas com peles mais sensíveis (peles claras), devem usar cremes à base de extratos vegetais com ação calmante e regeneradora da pele (Aloe Vera, Camomila, Arnica, Alecrim, Alfazema, Hipericão, Milefólio); extratos de plantas com ação venotónica, que melhoram a microcirculação cutânea (Calêndula, Arnica, Hamamélis, Castanheiro da Índia, Centelha Asiática); extratos vegetais com ação hidratante (Rosa-de-mosqueta, Aloe Vera, Rosa Canina).

 

 

 

As melhores de preparação da pele para o sol é evitar uma exposição prolongada das radiações solares, usando fotoproteção adequada,  mantendo os cuidados durante e após a exposição solar e protegendo a pele através da alimentação e da suplementação nutricional.